ADEUS SOLIDÃO

ADEUS SOLIDÃO

 

“E acrescentou: “Pois é necessário que o Filho do homem passe por muitos sofrimentos e venha a ser rejeitado pelos lderes religiosos, pelos chefes dos sacerdotes e pelos mestres da lei; seja assassinado e, ao terceiro dia, ressuscite”. Tome a sua cruz e siga a Jesus” .    Lc. 9:22

 

 

É lindo pensarmos no quanto de amor Cristo dispensou para que pudéssemos ser salvos, é algo estonteante, inimaginável realmente, pois não conseguiremos nunca pensar no quanto de amor Deus teve que ter em Cristo para nos alcançar, se imaginarmos o absolutismo do amor, TUDO, com certeza não seremos capazes de imaginar, pois é tanto amor que precisamos aprender a pensar neste tsunami de amor.

Quanto ao nosso tema, tem tudo a ver com solidão e amor, pois Cristo quando se entregou por amor de nós, teve que viver um momento de grande e inescrutável solidão, pois reflita no que ocorreu:  Cristo sendo Deus, abriu mão de ser Deus para estar conosco na terra e pagar pelos nossos pecados, expiar nossa culpa, e Aquele que nunca tinha visto dor ou sofrimento, sofreu em nosso lugar.   Jesus na Cruz, teve que abrir mão de ser um só com Deus  Pai, para que pudesse assumir a culpa dos nossos erros, e para isto, não poderia ser/estar uma só pessoa com Deus, então Cristo viveu um momento de solidão plena, absoluta, você poderia dizer então, Ele é Deus suporta, realmente você está certo, Ele é Deus e somente Ele poderia suportar tamanha dor e angústia, a ponto de suar sangue, de agonizar por sede e não poder beber água, de não conseguir respirar por causa da dor dos pregos e do bloqueio que seu pulmão tinha por causa da posição incomoda e agoniante da cruz, somente Ele.

As dores não param por aí, pois Cristo ao entregar seu espirito nas mãos de Deus, vive ali, um momento de distanciamento pleno de Deus e uma solidão que nenhum de nós suportaria, isto é, todos os discípulos, todos os amigos, todos os inimigos, sua família, seu Deus, não podiam fazer nada por Ele, aquela dor somente Ele poderia suportar, e esta solidão invadiu o mundo, a ponto do céu se transformar em noite, da natureza chorar por seu criador!!

Entenda então o grande triunfo da cruz, pois Cristo ao vencer a morte e pagar por nossos erros, pecados e nos restaurar das doenças e da morte eterna, também pagou o preço da solidão, por mim e por você.

Então quero lhe levar a refletir sobre o poder disto, a partir de agora, você não precisa, não deve e ainda mais, deve ser um escudeiro de Deus para que pessoas não continuem sofrendo a solidão e o distanciamento, se Cristo venceu por você, e você vive nEle, não pode deixar de aceitar que a cruz, traz para você a vitória também sobre a solidão.

Sendo assim lhe convido para entregar os seus fardos, inclusive a solidão para que, entregue a Ele, você possa desfrutar da paz e a da legria de viver como um Filho do Deus verdadeiro.

Receba esta herança do nosso querido e amado Jesus Cristo, aquele pela qual nossas almas suspiram encontrar e se alegrar e diga Adeus solidão, eu tenho a igreja de Cristo e pessoas que me amam para ser feliz!!

Que Deus o abençoe e lhe permita vencer a solidão, pois Cristo já a venceu por você!!

Pr. Marcos Grativol

Colunista: Marcos Grativol